Centro: 11 2409-0141 | Pres. Dutra: 11 2432-3511 | Pimentas: 11 2496-7544 | Taboão: 11 4574-0768

6 dicas para aumentar a concentração nos estudos

concentração

Não existe nada pior nos estudos que ler algo e depois de poucos minutos esquecer tudo. Isso significa perda de tempo, o que na maioria das vezes o estudante não tem sobrando.

São diversas as razões para isso, mas a principal delas é que o estudante não estava completamente concentrado no que estava fazendo. Para auxiliá-lo nessas situações listamos seis sugestões que vão aumentar o seu nível de concentração nos estudos, fazendo o tempo render muito mais.

1. Fique longe do celular

Ao contrário do computador, ferramenta útil para o estudo, e onde é possível escolher se será incomodado ou não, o celular não para de chamar atenção com a chegada de novas mensagens. Se for necessário tirar dúvidas com colegas, tente fazer isso pelo próprio computador, com o cuidado de não dar uma “esticadinha” para a timeline.

2. Coloque uma música instrumental

Sugerimos músicas instrumentais por uma razão simples: não tem o que cantar junto. Além disso, essas músicas ditarão o ritmo, empolgando o estudante sem tirar seu foco. Claro, sabemos que nem todos funcionam com música e para algumas pessoas essa tática pode acabar afetando a atenção. A dica é experimentar e ver se funciona. Aliás, essa dica é útil para toda essa lista.

3. Estabeleça um local tranquilo

Entendemos que nem sempre é fácil ir a um lugar silencioso e pouco movimentado, porém é possível deixar um ambiente propício ao estudo. Primeiro vá até um cômodo que possua uma mesa e uma cadeira confortáveis.

Utilize então um fone de ouvido com um pouco de isolação (já aproveitando para seguir a dica 2), feche as portas e pronto, o ambiente já está favorecendo o estudo.

4. Defina um período de estudo

Ao estabelecer um período, o estudante sabe quanto tempo deve concentrar-se totalmente. Existem até métodos para isso, como o Pomodoro, que define períodos de dedicação total (25 minutos) alternados com intervalos de descanso (3 minutos).

5. Defina também o momento de estudo

Não basta definir o período, é necessário também estipular o momento do dia em que o estudo deve ser realizado. Algumas pessoas se concentram muito mais pela manhã, outras de madrugada. Com um pouco de experimentação é possível determinar em que momento do dia seus estudos rendem mais.

6. Tenha um processo

Definir uma metodologia de estudo é algo não só útil para manter a concentração como também para melhorar o aproveitamento. Esse processo pode começar com um pequeno ritual, como fazer um café, se alongar, ouvir alguma música, ou seja, algo que determine que a partir deste momento os estudos começarão.

Em seguida, o ideal é definir também como a matéria será abordada, por exemplo: começar dos exercícios mais fáceis para os mais difíceis (matemática), ou então criando uma linha do tempo (história, filosofia).

Depois de um tempo o estudante se acostuma com a rotina criada por ele mesmo, e os estudos começam a render muito mais conforme o tempo passa. Até esse momento ocorre a experimentação. Não desanime, afinal saber estudar é fundamental para se dar bem até mesmo como empreendedor.

Se a rotina de estudos estiver muito cansativa, comece a praticar exercícios físicos. Existem estudos que comprovam que a prática de esportes auxilia na concentração, sem contar que contribui para uma vida mais saudável.

Que tal colocar em prática sua capacidade de concentração em nossos cursos profissionalizantes? Conheça nossos cursos e entre em contato conosco

Copyright © Microlins Guarulhos.  Todos os direitos reservados